Romaneio de cargas ou manifesto de cargas, qual utilizar?

Tempo de leitura: 2 minutos

Muitos leitores do blog do SuasVendas ainda têm dificuldades para entender as diferenças entre o romaneio e o manifesto. Com isso, muitos acabam deixando de fazer uso da emissão destes, que acabam não recebendo a devida importância.

Mas afinal, qual a diferença entre o romaneio de cargas e o manifesto?

Bom, o romaneio relaciona toda a carga que vai ser coletada ou entregue por um determinado veículo, na região onde o mesmo atua, vinculado ao depósito físico, responsável pela distribuição na respectiva região. Sua emissão deve ser feita quando houve entregas para realizar na região atendida pelo depósito da transportadora.

Já o manifesto é o documento que relaciona toda a carga que está sendo transferida de um depósito para outro. É caracterizado pela transferência da responsabilidade sobre a carga.

Vantagens da emissão

Romaneio: facilita as informações do SAC da transportadora. Assim, quando os clientes ligarem para rastrear suas mercadorias, a empresa saberá onde está com mais facilidade.

A emissão do documento registrará o status que está na entrega, atualizando também o rastreamento online. Isso facilita o atendimento, pois os clientes não precisam ligar para a transportadora para saber o status de sua encomenda.

Outro benefício interessante é a possibilidade de você poder conferir os comprovantes de entregas na volta dos motoristas para o depósito, já que ao emitir o romaneio todos os transportes deverão ter seus respectivos comprovantes assinados pelos clientes. Na falta do mesmo, o motorista precisa justificar.

Em caso de sinistros (acidentes e roubos), a seguradora pode exigir o romaneio de entrega. Sem ele, corre o risco dela negativar a indenização da carga.

Manifesto: seu maior benefício é atualizar o status do responsável pela carga. Seja um depósito da transportadora ou motorista que está transportando a carga. Permite saber a qualquer momento quais as mercadorias que estão em trânsito ou estão armazenadas no depósito.

Em casos de sinistro, as seguradoras  exigem o manifesto para avaliar a carga será indenizada e para apurar o processo de indenização.

Além disso, facilita a passagem do veículo em barreiras fiscais, pois nos manifestos contam todas as principais informações para fins de fiscalização.

No geral, o manifesto melhora a gestão das movimentações das cargas transportadas.

Ainda tem alguma dúvida? Pergunta pra gente nos comentários e não deixe de compartilhar o artigo.

Boas vendas!

Com informações do On Time

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Grasiele disse:

    Ainda tenho dúvidas, então posso mandar entregar a carga apenas com o romaneio, ou o manifesto precisa ir junto ?

    Ou vice versa ?

    Quando posso mandar só o romaneio ou só o manifesto ?

    • Amanda Mariano disse:

      Bom dia Grasiele, aconselhamos que você procure um contador, pois depende bastante do seu negócio. Assim, o profissional poderá lhe auxiliar melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: