A Pergunta Fundamental Sobre Sistema de Gestão Empresarial que você Deveria Saber Responder

Tempo de leitura: 4 minutos

“Muitos fatores levam um empreendedor a se perguntar se é hora de acelerar o crescimento, considerando aspectos como a inquietação do empreendedor, a pressão do mercado e a perenidade empresarial. A pergunta primordial, nesse caso, é: o empreendedor está disposto a encarar esse desafio?”  – André Viola Ferreira – Sócio-líder para Mercados Estratégicos da EY

blog-planejamento

E é isso que nós queremos saber: você, Representante Comercial, Vendedor, Distribuidor, Administrador de uma pequena ou média empresa, está disposto a encarar o desafio da gestão empresarial e as consequências positivas que uma administração bem feita e total pode lhe trazer? Se sim, parabéns! Querer é o primeiro passo para ir adiante; agora com os conhecimentos e com as ferramentas certas você pode elevar o nível do seu negócio ou pelo menos trazer facilidade e organização para seu dia-a-dia.

Planejamento. Organização. Metas

Eu poderia resumir tudo que uma empresa precisa para crescer nessas três palavras. Se um negócio, por menor que seja, começa de forma organizada, através do estabelecimento de metas e de um bom planejamento, tem grandes chances de dar certo e permanecer no topo. Sua empresa se baseia nas metas estabelecidas? Você tem um planejamento estratégico? Se não tem, sugiro que comece já!

Mas, por onde começar?

Bom, primeiramente, para crescer é preciso conhecer muito bem o seu negócio, pois a partir do perfil da sua empresa é que você traçará um planejamento específico. Saiba, existem 4 níveis em um negócio, chamamos esses níveis de Curva de Maturidade de uma Empresa.

Um negócio pode ser considerado:

  • Start-Ups:
  1. Prioridades – Garantir a sobrevivência dos negócios e atrair pessoas.
  2. Gestão – Comando e decisões concentradas no empreendedor.
  3. Contabilidade – Encarada do ponto de vista fiscal.
  4. Investimentos – Concentrados no negócio (atividade-fim).
  • Emergente
  1. Prioridades — Desenvolver os negócios e reter pessoas, além de atraí-las.
  2. Gestão — O modelo é mais claro e a gestão, compartilhada com poucos profissionais.
  3. Contabilidade — Na maioria dos casos, ainda se encontra em um estágio primário.
  4. Investimentos — Concentrados no negócio (atividade-fim).
  • Em expansão
  1. Prioridades — Manter o foco no desenvolvimento dos negócios e na retenção de pessoas – com o auxílio de uma estratégia clara de longo prazo.
  2. Gestão — O modelo é bem definido – embora pouco formalizado – e conta com algum nível de profissionalização.
  3. Contabilidade — Há um anseio por aumento da transparência. A contabilidade está alinhada à gestão tributária. Chega o momento da primeira auditoria.
  4. Investimentos — Divididos entre o negócio e as áreas de suporte (administração, finanças, recursos humanos e tecnologia).
  • Maduras
  1. Prioridades — Consolidar os negócios e o modelo de governança corporativa – além de buscar a reinvenção, por meio da inovação no modelo de negócios.
  2. Gestão — A operação está sob controle e há profissionalização e gestão efetiva dos riscos – além da formalização do modelo de gestão.
  3. Contabilidade — Há altos níveis de transparência e uma rotina de auditoria de balanços. Preocupação e atenção com o ambiente regulatório e esforço para fundamentar a explicação do negócio em dados oriundos das demonstrações financeiras.
  4. Investimentos — De acordo com o planejamento estratégico de longo prazo.

Encontrou o nível da sua empresa? Sim? Agora você começará a se deparar com a realidade do seu próprio negócio – e, ao ouvir as opiniões de funcionários, do mercado e de consultores, conseguirá descobrir o melhor caminho para transformar seus projetos em realidade. Comunicação é fundamental – converse e escute sua equipe, é ela que irá ajudar você a tomar as medidas necessárias. Nesse momento, você também perceberá quais ajustes terá de fazer em seu negócio para poder concretizar o plano – ao perceber exatamente o que falta para que ele consiga evoluir de um estágio a outro.

Próximo passo?

Coloque tudo no papel! Isso mesmo, neste momento você já fez um apanhado geral, agora, anote tudo que aprendeu e verificou na sua empresa e o que acha que precisa ser feito. Estabeleça metas possíveis. Metas possíveis são aquelas efetivamente viáveis. Para saber se uma meta é realmente viável, sempre valem as perguntas: “Isso representa minha prioridade atual?”; “Tenho recursos pessoais e técnicos para alcançá-las?” “Estou preparado para abrir mão do que cada uma dessas metas exige?”. Vislumbre o futuro desejado para a empresa daqui a três anos, por exemplo. Esse é o ponto de partida para a elaboração de um plano de crescimento. Estime quanto vai custar atingir a meta em relação à estrutura, pessoas, custo de capital e encargos.  

Metas Estabelecidas? Agora, encontre as melhores ferramentas para lhe auxiliar nesta nova etapa. Sabemos que por mais que você e sua equipe se esforce, manter a organização não será fácil. Existe muita coisa que devemos ter atenção em uma administração. Você precisa de agilidade, ao enviar e emitir pedidos e NF-es, não é mesmo? Precisa de organização para controlar suas comissões e mais ordem ainda ao visualizar sua Agenda Corporativa, para não se perder nos horários e nos dias. Precisa mostrar seus produtos de forma profissional e bonita, para atrair um cliente. E seria ainda melhor se você pudesse controlar seu negócio mesmo se não estiver no escritório. Precisa disso e de muito mais eu tenho certeza. E ter tudo isso em um só lugar não é fácil de encontrar, porém não é impossível.

Mãos à obra! Comece a planejar agora mesmo e eleve o nível do seu negócio. Os caminhos estão abertos a todos, conhecê-los faz a diferença!

Mayza Martins – Marketing

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. Sebastião Queiroz disse:

    Oi, Mayza bom dia.

    Parabéns pela matéria. Sempre me ajuda muito.

    Nossa empresa cresceu muito em termos de faturamento e visão de negócio após a aquisição do Suas Vendas. Mas temos muito q crescer ainda, pois o suas venda nos possibilita isto. A visão de negócio e incrível. Estou amarrado um pouco em gestão de pessoas. Preciso atrair e reter pessoas como falado em seu blog.

    Mas é uma caminhada e estamos nela.

    Grato
    Queiroz

  2. Mayza Martins disse:

    Olá Sebastião! Ficamos felizes em ajudar. Estamos nesta caminhada com você, continue acompanhando o blog e as nossas dicas. Agradecemos pelo carinho e pela preferência. Abraços!

  1. 26/10/2016

    […] Antes de começar com as dicas, saiba se você está preparado para elevar o nível do seu negócio, clicando aqui. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: