Como aumentar as vendas durante a crise econômica

20 de julho de 2017 em Abordagem de Vendas, Dicas, Software de Gestão

  • Mostre valor
  • Mostrar que sua empresa tem valor é importante se você vende algo que não é essencial ao consumidor. É necessário convencer o cliente sobre o retorno do investimento. O vendedor precisa fazer enxergar o problema e ativar a necessidade de adquirir aquele serviço ou produto. Para facilitar todo o processo de compra é preciso estreitar ainda mais o relacionamento, para que o cliente não esqueça sua marca. Mantenha contato com ele o tempo todo, com informações sobre o que você vende e promoções. Lembre-se que cada atendimento precisa gerar uma grande experiência ao consumidor. Utilize as redes sociais para melhorar o marketing, fidelização e ampliação dos clientes.
    1. Venda mais para o mesmo cliente
    Um grande desafio das empresas é aumentar o ticket médio, e para fazer isso da melhor maneira, é preciso aproveitar os clientes atuais. Faça uma boa gestão de estoque para entender quais produtos podem ser complementares e vendidos juntos.
    1. Atendimento diferenciado
    As melhores experiências de compra são nas empresas que conseguem tratar o cliente pelo nome e conhecem demandas e preferências. Por isso, o vendedor precisa ser acolhedor, se conectar, fazer boas perguntas, agradecer o cliente pela preferência e colocar-se à disposição o tempo todo, principalmente para clientes indecisos, que precisam de mais atenção e paciência.
    1. Utilize um bom software de gestão
    Para facilitar todo o processo comercial e de vendas, utilizar um bom software de gestão, como o SuasVendas, é essencial. Além de ter informações centralizadas sobre vendas e financeiro, em tempo real, você também vai vender mais através do Catálogo Online, que é ideal para quem precisa mostrar seu leque de produtos de forma completa na internet. Os benefícios não param por aí.  Com o SuasVendas você sabe exatamente quais produtos existem no estoque da sua empresa, evitando problemas futuros e também tem mais mobilidade nas vendas com o app SV. Faça um teste grátis por 14 dias.
    1. Tenha uma equipe treinada e competente
    Uma boa equipe pode fazer a diferença em momentos de crise. Os vendedores precisam estar mais atentos e os gestores devem fazer reuniões com mais frequência, acompanhando números e tendo um plano de ação. Dica valiosa: incentivar a equipe e ter um atendimento personalizado vai melhorar seu negócio. Invista! Tem alguma dúvida? Pergunta pra gente nos comentários e não deixe de compartilhar o artigo. Boas vendas!]]>

    Representantes Comerciais e a crise econômica

    4 de julho de 2017 em Abordagem de Vendas, Dicas, Representação Comercial, Software de Gestão

    Como os Representantes foram atingidos? Com a queda nas vendas, as fábricas começam um movimento de sobrevivência e adequação à recessão, como forma de autopreservação. Seria normal e compreensível, se das diversas estratégias por elas implementadas não contemplassem quase sempre alterações nas suas áreas de vendas, com alteração do quadro de representantes, divisão de áreas de atuação, maior segmentação, e, como sempre, contratação de “técnico” novo, ou seja, aquele gerente de vendas que pensa salvar o time do rebaixamento, trazendo idéias novas (que sempre são velhas), com amplos poderes para implementar mudanças, dentre elas a reformulação do quadro inteiro de profissionais. É nesse contexto que os representantes comerciais quase sempre são prejudicados, pois tem suas áreas divididas, os produtos reduzidos que compõem sua carteira ou são pressionados de forma desleal para que peçam a rescisão, perdendo com isso o direito à indenização legal de 1/12, que todos já conhecem. Outras vezes, obrigam-se a assinar novos contratos ou aditivos sob pena de afastamento da empresa, introduzindo-se através de suas cláusulas novas regras amplamente desfavoráveis a eles, trazendo-lhes prejuízo ao final da relação, pois nem sempre é possível transpor a força que os contratos possuem no regramento das relações.

    Amizade x Negócios
    É preciso ter muita cautela por parte dos amigos, lembrando-se sempre que a relação existente, na maioria das vezes, dá-se entre pessoas jurídicas, e para tanto, imprescindível para uma boa tomada de decisão deixar de lado o envolvimento pessoal e emocional para que não contamine o discernimento, possibilitando fazer escolhas racionais acertadas. Nesse ponto, dependendo do tipo de relação e importância que a fábrica tem na carteira de vendas do representante, e dependendo ainda do tipo de relação, compensa a via da rescisão contratual pelo representante, concentrando-se nas representadas que efetivamente estão dando um retorno financeiro satisfatório. No entanto, vale lembrar que se o representante tomar a iniciativa de rescindir o contrato, estará abrindo mão da indenização de 1/12, o que deverá ser levado em consideração para a tomada de decisão, devendo sempre fazer uma apuração do valor que estaria perdendo. Ressalte-se ainda, que em alguns casos a própria fábrica já rompeu indiretamente a relação através de atitudes ilegais e abusivas que tomou ao longo do contrato, seja ele verbal ou escrito, dando direito ao representante de postular à indenização e demais verbas, com fundamento na própria Lei do Representante Comercial, a Lei 4886/65, alterada em 1992 pela Lei 8420. Dentre os motivos legais que garantem esse direito, estão a redução da área de atuação (zona), redução do percentual de comissão, quebra da empresa, descumprimento dos termos do contrato, não pagamento das comissões nas datas previstas e, um dos mais importantes, os descontos das comissões das inadimplências dos clientes, a chamada cláusula “del credere” vedada pela lei 8420/92. Se alguns desses for o caso, mesmo com a notificação à empresa da intenção de rescindir pelo representante, mencionando os motivos da denúncia, garantirá o direito à percepção da indenização e devolução dos valores indevidamente debitados, o que poderá ser postulado extrajudicial ou judicialmente. Tem alguma dúvida? Deixa sua pergunta nos comentários. Se você é representante comercial e ainda não tem um software de gestão para auxiliá-lo nas vendas faça um teste grátis por 14 dias agora mesmo do SuasVendas, o sistema mais utilizado pelos vendedores inteligentes. 😉
    Paulo Cesar Hespanhol
    OAB/RS 56.872
    http://www.hespanholadvocacia.com.br  ]]>